De Tordesilhas aos nossos dias… dica de leitura

Hoje, enquanto trabalhava  no atelier de Buenos Aires, recebi o convite para viajar pela “Diplomacia no Brasil: de Tordesilhas aos nossos dias” através do livro do Embaixador José Viegas Filho. Com certeza ele vai me fazer companhia junto a “Misteriosa Buenos Aires” de Manuel Mujica Lainez, autor desse texto fascinante e grande amigo de Jorge Luis Borges.

Enquanto Viegas navega varias águas e caminhos diplomáticos incluindo os países do Prata no século XIX de forma instigante eu como artista agradeço. Os dois me levam do passado ao presente e eu posso ir e voltar numa diagonal que me enriquece.

Nas conversas com Jose Viegas até altas horas sobre Guimarães Rosa na Embaixada do Brasil em Roma, esse embaixador colocava a Cultura como desejo e legado. Mecenas no que pode, quando já não há mais.

Lembranças vivas da minha exposição Sub_19, uma Piazza Navona iluminada, essa biblioteca sua e um novo livro na minha mesinha de cabeceira. O Brasil em Buenos Aires até a próxima travessia.

 

Com Jose Viegas, quando ele era Embaixador do Brasil na Itália.

Com Jose Viegas Filho, em minha exposição Sub_19, em 2012, quando ele era Embaixador do Brasil em Roma, na Itália.

livro-jose-viegas-filho-diplomacia

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *